17 de out de 2015

Monster High: Boo York, Boo York!!


† Oi, monstrinhos(as)! 
Tá meio atrasado, mas só agora eu resolvi assistir Monster High Boo York Boo York, e aqui mesmo eu vou fazer uma crítica sobre o filme e dar a minha opinião! Diferentemente das anteriores, essa crítica - e as próximas que virão - será resumida, para não se tornar uma postagem chata e cansativa. Vai ter apenas o necessário, os pontos fortes e fracos, uma básica introdução e afins.
Essa postagem também serve pra compartilhar a notícia que o filme já está disponível para assistir! Se você não viu e quer ver o filme:
Abaixo terá a minha crítica sobre o filme, e como sempre poderão conter SPOILERS. Se você ainda não assistiu o filme, clique acima para assistir, e venha me visitar depois para comentar sobre o filme comigo ^-^ Se quiser, pode continuar, mas é aconselhável ver o filme antes.
Sem mais delongas... Vamos à crítica!

Sobre o filme...

"Os monstros tomam uma jornada musical para fora da cidade! Quando Cleo é convidada a assistir a uma festa de gala que comemora o retorno de um cometa mágico, ela leva seus melhores amigos junto! Mas a diversão tem um fim quando Nefera usa os poderes do cometa em uma trama diabólica contra Catty! Podem os monstros e suas novas amigas da cidade desembrulhar o mistério do cometa á tempo de ajudá-la?"
(tradução feita por mim à partir da caixa das bonecas)





Em B.Y.B.Y, ocorrem vários acontecimentos que giram em torno de personagens específicas, como a família De Nile e Catty Noir. A história também foca em Ghoulia e Abbey, que estão na escola e aparentemente não têm nenhuma participação especial (ou traje novo), mas na verdade são pontos importantes para o desenvolvimento da estória.
Os De Nile tem assuntos a tratar com uma mulher rica e importante para a cidade de B.Y, também parente de múmias. Ela tem um filho único a qual será oferecido como noivo para uma das filhas do faraó, para a conclusão de uma cerimônia especial relacionado ao cometa. Em busca de poder e riquezas (que é o que a família De Nile teria caso tudo desse certo), Nefera arma um plano contra o relacionamento duradouro de Cleo e Deuce, para uni-la a esse príncipe (para, claro, ela não ter de casar com o rapaz desconhecido).
Já o trama com Catty Noir é diferente. Ela se afasta dos shows e apresentações, atrás de "sua" música. Ela quer sentir coisas reais, ter inspirações reais, para poder escrever e cantar uma música considerada "sincera", pela própria. Ela viaja afim de encontrar tudo isso, e acaba se enrolando em um romance com um cantor de rap da cidade a qual conhece durante o desenvolver da estória. O que ela não sabia era que esse "cantor de rap" é, na verdade, o príncipe prometido para a Cleo, e que vive uma vida dupla na cidade, uma vez sendo o príncipe elegante e silencioso que a mãe sempre sonhou, e outra vez sendo um apresentador de rua talentoso e agitado.
Já na escola, o trama vivido pela Ghoulia e Abbey é o seguinte: A nossa monstrinha zumbi acaba descobrindo um cometa gigante que irá destruir a Terra, a começar por Boo York. Determinada a pará-lo, ela, junto à Abbey, estudam sobre o meteorito, quando enfim descobrem que há alguém dentro dele, e assim elas chegam á conclusão que seja uma nave espacial. As meninas tentam contato com a pessoa dentro - que estava em estado de hibernação - e acabam acordando-a no momento certo, depois de muitas dificuldades. Como devem imaginar, a monstrinha dentro da nave é Astranova, que não tem um papel tão importante assim na trama - aparecendo apenas no final da estória.
Esse novo filme resolveu usar uma tática diferente dos filmes anteriores. Diferentemente de Haunted (o último filme das monstrinhas), que foi uma estória calma, um pouco mais voltada nos fantasmas e com uma assombrosa lenda por trás de toda a trama, B.Y.B.Y tem um enredo um pouco agitado, o filme é repleto de músicas (tal como um musical, e isso é praticamente novo na franquia), e a agitação toda faz do filme menos cansativo e mais interessante.
Tomemos como exemplo FCA (Frights, Camera, Action), que foi um filme muito cansativo, com um enredo longo e exaustivo. O problema que tiveram foi em encaixar as novas personagens, para introduzi-las no enredo. Atualmente (ou seja, em B.Y.B.Y), as personagens novas foram introduzidas muito rápido, como se a Mattel as jogassem pra as monstrinhas conhecerem e fim. Por isso eu apoio o cancelamento de criação de novos personagens. É muito desnecessário e acaba com o enredo do filme, de um jeito (introduzir normalmente e deixar o enredo cansativo) ou de outro (introduzir rápido e deixar o enredo surreal e confuso).
Outro detalhe que eu gostaria de ressaltar no filme foi a dublagem. Eu sou péssima pra conhecer o dublador de algum personagem, e quando ele tá dublando ou não, mas eu notei uma estranha alteração na voz da Draculaura. Parece até que foi modificada por algum programa de computador, de tão esquisita que tá. Eu agradeci muito pela Lala aparecer poucas vezes, porque infelizmente a voz dela não dá pra ser ouvida e apreciada.
x -- x
Conclusão da minha resumida crítica: O filme, para a era que ele se encontra, foi muito bom. Ainda acho os antigos melhores, mas comparado à Freaky Fusion, FCA ou até mesmo Haunted, achei muito bom. O enredo é complexo (e podia ser melhor aproveitado, mas ok) e tem muitas tramas em uma estória só.
Quem gosta do estilo musical vai curtir esse filme também. Algumas músicas são meio chatinhas, mas eu até que curti outras. A criatividade que eles usaram é de se admirar, pois foi algo novo, totalmente diferente dos filmes anteriores.
Eu detestei - como sempre detestarei - a inclusão das novas personagens. A forma como as monstrinhas conheceram e fizeram amizade com a Luna Mothews, por exemplo, foi completamente surreal e confuso. E a personagem só foi ter a sua importância perto do final do filme. Pra mim, a única personagem nova realmente importante para o enredo da estória foi Astranova.
De qualquer maneira, no geral, ele é de se aproveitar. Então bom filme, pessoal!
Comentem abaixo o que acharam! ⇩

Créditos: Mega Filmes Online / Blog World Crystal pelo aviso do filme / Crítica minha!


9 comentários:

  1. Oi may ,também acho que o filme foi realmente agitado e isso e muito interessante nesse ponto como eu disse no comentário passado não gosto que coloque muitos personagens na franquia , isso acaba desfocando outros personagens . o filme foi bom mais não engoli o fato de Cléo ser uma monstrinha do povo como desculpa pra Neféra não se casar , cinto falta de quando Cléo dizia "O meu rá " mais não fala mais enfim gostei muito da postagem!!!!! Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Cauet!
      Eu também tenho opiniões parecidas com as suas... A agitação do filme foi ótima! O que estragou ele um pouco foi as várias personagens tecnicamente desnecessárias. Já o detalhe da Cleo ser uma monstrinha do povo, eu realmente não foquei muito nele, mas realmente era melhor quando ela era boa, e ao mesmo tempo mázinha rss.
      bjs<3

      Excluir
  2. Olá, May!
    Mais uma vez com uma ótima crítica com opiniões muito parecidas com as minhas! :)
    Achei o filme melhor do que Haunted, que embora tenha um bom enredo, foi calmo sem muitos momentos de surpresa. B.Y, B.Y teve uma ótima construção e mensagem, com um foco nas outras monstrinhas que, nesse caso, viajaram. As músicas são boas também, alguns reclamaram da tradução, mas não vejo isso como ponto negativo.
    Algumas são mais Barbie, porém outras tem um toque e melodia ótimos. Outro grande ponto foi a introdução dos personagens.
    Foi muita coincidência a Luna chegar no momento em que as monstrinhas estão passando na rua, e também vivem se encontrando (tanto na calçada - ela vestida de pizza -, quanto na festa - a garçonete -). A Mouscedes foi um pouco melhor, com aquele lance dos táxis e tal, embora seja muito "combinado", se podemos dizer assim.
    Já no caso da Elle, isso foi mais real, mas tipo, elas gostaram da música e agora são amigas, ficam juntas e talz... algo bobo novamente.
    A Astranova teve uma melhora porque tipo, era esperado, se podemos dizer assim. Afinal, o cometa era algo especial, que teve um desenvolvimento na estória desde o início.
    Em geral, foi ótimo, com o desnecessário encontro fácil das novas personagens e o musical bom e ruim ao mesmo tempo. Adorei a postagem, parabéns ! ^-^
    Beijus •3•

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Túlio!
      Concordo plenamente (principalmente em questão da introdução das novas personagens). No caso de Mouscedes, ela foi a personagem a qual as monstrinhas conheceram de forma mais realista (com exceção da Astranova, que merecia desde o início estar no filme mesmo).
      Mas realmente, fora esses pequenos detalhes, o filme foi muito bom, principalmente pela agitação e músicas!
      bjs<3

      Excluir
  3. Eu acho que o filme foi bom e as músicas tbm mais algumas não tem sentido minha preferida e império tanto em inglês quanto em português a voz da Draculaura foi ótima... Para alguma esquilete de alvin e os esquilos kkkkk . mais gostei bastante e algumas vozes como a da Abbey foi feita por outra dubladora , eles tem que decidir quem vai dublar quem pq se não fica confuso isso aí gosto bastante do blog e dos assuntos principalmente sobre Disney e MH

    ResponderExcluir
  4. Gostei bastante do filme foi bem legal mais oque incomodou foi a voz da Draculaura ei Lala que tal uma audição para dubladora das esquiletes
    Kkkk as músicas são boas mais algumas não tem sentido minha preferida foi império tanto em inglês quanto em português uma coisa chata é a Frankie aparece no filme mais bonecas nadika de nada mais boo York boo York foi bom principalmente por ser um musical gosto bastante do seu blog principalmente de Disney e MH. Pra terminar queria saber se VC assistiu descendentes e oque achou do filme

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. (Respondendo os seus dois comentários):
      Olá, fico feliz que goste do blog e aprecia as postagens! Seja sempre bem-vindo. ^^
      Eu também tenho opiniões bastante parecidas com as suas. Sobre o filme, por exemplo, foi muito bom em questão das agitações e de algumas músicas. Eu também gostei de Império, ainda não ouvi em inglês, mas em português é muito legal!
      Das coisas que eu não gostei no filme, estão a voz da Lala e a introdução das novas personagens, apenas... Mas realmente, eles deviam repensar nos dubladores corretos.

      Sobre a série Descendentes, eu não assisti e não pretendo. Tem uma base muito parecida com a de EAH (e lembra OUAT também), e sinceramente ficou parecendo uma cópia (não estou julgando que seja uma cópia, só ficou parecendo). Por isso não pretendo ver a série.
      bjs<3

      Excluir
  5. Oi may!
    Assim como você eu gostei do filme porem diferente de você e não acho que ele foi bom para essa "era" em minha opinião é um dos melhores filmes <3
    Achei o enredo bem legal, o filme não cansa (só o final naquela parte do "casamento" da cleo) e acho que foi bem executado.
    Sobre as monstrinhas que participam eu até que gostei, acho que conseguiram bem equilibrar o protagonismo em duas personagens, foi bastante interessante! só encontrei uma falha, que foi a inclusão de operetta que é uma personagem que não se dá super bem com a Cleo preferia a Ghoulia ou a Lagoona mas até que a Operetta foi bem legalzinha :)
    Sobre a dublagens tanto dos diálogos quanto das músicas, eu achei razoável no geral ficaram boas ,sobre a voz draculaura acho que foi apenas um problema de edição! porém odiei as vozes nas músicas na verdade exclusivamente da Catty que ficou parecendo um homem rouco com a voz mixada kkkk!
    Eu realmente acho que eles podiam dar uma greve nas personagens novas embora especialmente neste filme elas me chamaram atenção e lembro que as odiei no começo!
    Eu achei que o mais interessante e legal foi a questão de ser um musical, que pelo menos eu amo músicas principalmente das princesas disney!
    Tchau beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Edu!
      Eu te entendo nessa questão... Falei sobre a "era", porque realmente pra mim, nenhum filme atual tira o lugar dos antigos. Mas concordo que esse filme foi muito bom, animado e cheio de emoção! ^-^
      Sobre as novatas, eu não gostei da forma como elas foram introduzidas. A que mais me indignou foi Luna. Ela simplesmente foi jogada na frente das monstrinhas e ponto. Algumas até que tiveram importância, mas a introdução delas foi muito ruim (com exceção da Astranova, a qual me agradou em todos os aspectos).
      No geral, eu gostei do filme, mesmo com os pequenos e os grandes pontos positivos e negativos. Eu só quero eternamente que a Mattel pare de criar personagens desnecessários rss.
      bjs<3

      Excluir

Oi, fico feliz que vai comentar ^-^ mas antes leia as regras:

1- Seu comentário será moderado, pense no que vai dizer!
2- Deixe o link do seu blog nos comentários e eu irei seguir! Porém, antes, fale do post para mostrar consideração!
3- Não divulgue concursos nos comentários que não seja sobre um dos assuntos do blog.
4- Não fale palavrões ou insinuação de palavrões.
5- Não divulgo blogs ou quaisquer coisa.
6- Qualquer comentário ofensivo será excluído.

Página Anterior Próxima Página Home